Cinco motivos para acampar

Muita gente ainda torce o nariz quando o assunto é acampar, como se fosse sinônimo de passar perrengue. Ou então, pior, como se fosse só uma alternativa pra quando a gente não tem dinheiro pra pagar uma pousada. Quem ama um camping, no entanto, sabe que os motivos para acampar vão bem além disso.

Acampar é um estilo de vida e de viagem. Não se trata de “viajar barato” embora isso seja um bônus, e sim de sair da rotina. E mais: de estar conectado com a natureza e ainda conhecer lugares onde hotel ou pousada simplesmente não chegam.

Felizmente, de uns anos para cá o interesse pelo campismo vem crescendo consideravelmente no Brasil. Quem sabe, em breve acampar será um costume tão comum quanto já é em países como Estados Unidos, Canadá, Nova Zelândia, Austrália e em boa parte da Europa.

Mas, afinal, por que acampar? Bom, acampar significa algo diferente para cada um, mas podemos dar uma ideia do que encanta tanto nessa forma de viajar e ver o mundo.

Veja a nossa lista com cinco motivos para acampar:

1) Acampar é divertido e fortalece os relacionamentos

Grupo de amigos acampando

Acampar permite que a gente se divirta com quem mais gosta ou com aqueles novos amigos feitos no camping ou na trilha. É o momento de rir e contar histórias ao redor da fogueira, de ter conversas profundas cara a cara, e não só pelo WhatsApp, de combinar de acordar cedo pra ver o sol nascer e de construir memórias que vão durar a vida toda. Seja em família, como casal ou com amigos, acampar é divertido e nos ajuda a ter relações alegres e saudáveis. Para nós, esse já é um excelente motivo para acampar.

2) É uma forma de se conectar com a natureza

Homem acampando em uma montanha

Para muitas pessoas, acampar é uma maneira de se conectar com a natureza. É o prazer de dormir ouvindo o som de um rio, praia ou cachoeira. Ou então acordar vendo o sol nascer na montanha e torcer para que o céu esteja sem nuvens à noite só pra poder ver o céu salpicado de estrelas. É também aprender a identificar os sons da natureza e deixar de temer bichos e insetos que são inofensivos. Sem deixar de estar atento, claro, aos que realmente podem ser perigosos.

3) O camping é um detox digital

Em tempos em que estamos no celular ou computador quase o tempo todo, acampar significa passar por uma desintoxicação digital. Muitas vezes simplesmente não há sinal de celular ou internet! Então vem a hora de dar um tempo do WhatsApp e das redes sociais. E mesmo quando há wi-fi ou 3G disponíveis, é comum até esquecer deles. Afinal, você vai querer mais é aproveitar aquela cachoeira em vez de ficar abrindo mil mensagens de bom dia no grupo da família.

4) Acampar faz bem para a saúde

Casal fazendo trilha e carregando equipamento de camping

Atividades que permitem um contato com a natureza, como acampar, estão relacionadas a uma melhora do bem-estar mental e à redução da ansiedade e de pensamentos depressivos. Além disso, um estudo da Universidade do Colorado em Boulder mostrou também que acampar pode melhorar o sono. Isso acontece porque o nosso relógio biológico interno acaba sendo “recalibrado”. Ele passa a se adequar a um ciclo mais natural de sono, ligado à disponibilidade de luz natural. Se você for fazer uma trilha durante o seu período acampando, melhor ainda. Além de todos esses benefícios, vai ter ainda as vantagens do exercício físico, como, por exemplo, redução da pressão alta e do risco de doenças cardíacas.

5) É ótimo relaxar ao redor de uma fogueira

Casal ao redor de fogueira de camping

Quer melhor motivo para acampar do que sentar ao redor de uma fogueira à noite, batendo papo e se divertindo? O prazer que quase todo campista sente ao fazer isso chegou a ser objeto de estudo. Uma pesquisa da Universidade do Alabama descobriu que sentar ao redor de uma fogueira reduz a pressão arterial e outros indicadores de estresse. Quanto mais tempo passado ao redor da fogueira, diz o estudo, mais relaxados nós ficamos.

Claro, antes de sair fazendo fogo por aí lembre-se sempre de conferir se o camping ou reserva ambiental permite fazer fogueiras. E, atenção, nunca acenda-as em ambientes selvagens. Lembre-se sempre de respeitar as práticas de mínimo impacto.

One Response

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *